• Sugestões de Melhoria e Reclamações

    Na Universidade de Coimbra, a sua opinião conta.

    Por isso criámos o Sistema Integrado de Melhorias: um canal aberto para a apresentação de sugestões de melhoria ou reclamações, possibilitando assim que o possamos servir cada vez melhor.

    Para manifestar a sua opinião específica sobre a página web UC.PT, clique aqui.

    Obrigada.
    Universidade de Coimbra

    Imagem de teste reCAPTCHA
    Captcha incorrecto.
    Escreva as palavras acima: Escreva os números que ouve:
Série de vídeos "Fora da Caixa"

Novos episódios da Série "Fora da Caixa"

25 de Abril de 2021

 

"Fora da Caixa" - Episódio 10 - Captação de tiros durante o cerco da sede da PIDE/DGS

Lisboa, 25 de Abril de 1974. O Movimento das Forças Armadas iniciou na madrugada a operação “Fim-Regime”. Os comunicados do MFA apelaram para a população ficar em casa. Contrariando estas ordens, os portugueses saíram à rua transformando um golpe militar num amplo processo revolucionário. Durante a tarde, populares juntaram-se na Rua António Maria Cardoso, frente à sede da PIDE/DGS. Os jornalistas do Rádio Clube Português acompanharam os manifestantes que exigiam a rendição da polícia política. Captaram os tiros dos agentes que dispararam sobre os populares. Quatro morreram: Fernando Carvalho Giesteira, José James Barneto, João Guilherme Arruda e Fernando Luís Barreiros dos Reis. Durante a noite, António Lage, servente da DGS foi baleado enquanto saía da sede da polícia política. Durante a noite, António Lage, servente da DGS foi baleado enquanto saía da sede da polícia política.

"Fora da Caixa" - Episódio 9 - Mapa do estado das Estradas/Plano de operações

Posto de Comando do Movimento das Forças Armadas, 24 de abril de 1974. 00 Otelo Saraiva de Carvalho, Sanches Osório, Hugo dos Santos, Garcia dos Santos, Lopes Pires e Vítor Crespo juntaram-se no quartel da Pontinha para comandar a Operação “Fim-Regime. Vinte minutos após a meio-noite, a Rádio Renascença fez ouvir “Grândola, Vila Morena” de Zeca Afonso, confirmando assim o início das operações militares. Ao longo da noite, Otelo Saraiva de Carvalho foi registrando as movimentações das unidades neste mapa. De Vendas Novas saiu uma força da Escola Prática de Artilharia com destino ao Cristo Rei em Almada. De Mafra, militares da Escola Prática de Infantaria rumaram até ao Aeroporto de Lisboa. De Santarém, saiu Salgueiro Maia liderando uma unidade da Escola Prática de Cavalaria. Após tomar o Terreiro do Paço, Salgueiro Maia avançou até ao Largo do Carmo, obtendo a rendição de Marcello Caetano.

 

"Fora da Caixa" - Episódio 8 - Manual e Programa Políticos FRETILIN

Díli, 28 de novembro de 1975.Francisco Xavier do Amaral, líder da Frente Revolucionária de Timor-Leste Independente proclamou a independência de Timor. Em 1974, a FRETILIN lutou pelo fim do colonialismo português e venceu a guerra civil no ano seguinte. No dia 7 de dezembro de 1975, a Indonésia invadiu Timor-Leste e pôs fim à independência. Iniciou-se um genocídio de cerca de
200 000 timorenses, que resistiram nas montanhas. O Massacre de Santa Cruz em novembro de 1991 trouxe Timor aos olhos do mundo.

O documento que hoje apresentamos é rarao e está catalogado na coleção de monografias do Centro.

 

"Fora da Caixa" - Episódio 7 - Medalhas - estátua de A. O. Salazar. Fundo Rosa Almiro e Castro

Na sequência da revolução de 25 de Abril um pouco por todo o país foram tomadas decisões de retirar do espaço público estátuas e placas de homenagem a figuras gradas, responsáveis do anterior regime. Na noite de 17 de fevereiro de 1975 a estátua de A. O. Salazar na sua terra, em Santa Comba Dão, foi alvo de destruição parcial, tendo-lhe sido retirada a cabeça. As autoridades locais não decidiram a remoção do monumento e assim se manteve por dois anos até 10 de fevereiro de 1978 quando uma  explosão destruiu completamente o que restava da estátua.

Divulgamos hoje duas medalhas alusivas a esses episódios.

 

"Fora da Caixa" - Episódio 6 -  Fato de treino da Sogantal

Em 12 de Junho de 1974, 48 operárias da fábrica Sogantal no Montijo ocupam a fábrica de capitais franceses  que anunciara, em final de maio, o encerramento da fábrica. Tinham entre 14 e 25 anos e não recebiam salários há um mês. As operárias decidiram vender os fatos de treino e retomaram a produção em autogestão. Foram vender os fatos à porta de fábricas e em bairros de todo o país. Campanhas de solidariedade, como a “Campanha do 1000.º fato” lançada em agosto de 1974, ajudaram a manter a Sogantal por mais cerca de ano e meio.

 

"Fora da Caixa " - Episódio 5 - Postal “Os presentes da Forças Armadas” de João Abel Manta

Em dezembro de 1974 as Boas Festas do MFA chegaram sob a forma de cartoon, um desenho de João Abel Manta que ficaria célebre e mais tarde editado em formato postal e cartaz. Os miltares retratados como Pais Natais dsirtibuiam presentes únicos ao país: democracia, descolonização, educação, justiça e liberdade. Era uma alusão às campanhas de Dinamização Cultural do MFA, iniciadas em novembro de 1974 no distrito da Guarda, que visavam assegurar a participação da população na revolução e fortalecer a Aliança Povo-MFA.

Divulagamos hoje um exemplar do postal integrado na coleção de postais, no CD25A.

"Fora da Caixa "Episódio 4 - Aerograma: guerra colonial (1961-1974)

A comunicação ente os militares portugueses na frente de combate durante a guerra colonial  e os seus familiares e amigos era assegurada pelo correio normal expedido por avião ou barco. A partir de 1965 vulgarizou-se uma outra forma de correspondência, a carta sem sobrescrito, enviada por correio aéreo. Chamava-se aerograma.

E um exempar deses areogramas que divulgamos hoje. Tem data de 1970 e pertence à colecção Cesaltina Matos.

"Fora da Caixa" Episódio 3 - Planta Bairro SAAL do Batateiro

Voltamos ao processo SAAL para divulgar a planta original do Bairro do Batateiro (Seixal) Cuja construção teve início em 1976.

O documento da autoria do arquitecto Fernando Bagulho integra a doação de documentos originais sobre o processo SAAL existentes no seu arquivo particular que recentemente nos entregou.

 

"Fora da Caixa" - Episódio 2 - Clínica Popular da Cova da Piedade

Trata-se desta vez de um documento de 1975, uma fotografia Clinica Popular da Cova da Piedade. A propósito dela lembramos mais um episódio para história dos movimentos populares do pós 25 de Abril de 1974.

Lembramos que o Episódio 1 foi para o ar no passado dis 25 de setembro e recordava  a tomada das instalações da ex-Pide/DGS em Coimbra, pelos militares do MFA em 27 de Abril de 1974.

O projeto “Fora da Caixa” procura apresentar documentos provenientes do Centro de Documentação 25 de Abril (CD25A) num formato de vídeos curtos de cerca de 2 minutos. Os vídeos serão publicados no canal Youtube do CD25A.

Têm por destinatários o público em geral, sendo sobretudo direcionados aos mais jovens. Visam mostrar a diversidade das coleções do CD25A e contar acontecimentos históricos a partir destes documentos. Os vídeos serão publicados no dia 25 de cada mês de setembro de 2020 à abril de 2021. Esta atividade é uma iniciativa do CD25A e do projeto "25AprilPTLab - Laboratório Interativo da Transição Democrática Portuguesa" (CES, FCT).

Topo da página
Centro de Documentação 25 de Abril © 2021
Suporte: ucd25a@ci.uc.pt ; Sugestões: Formulário
www.cd25a.uc.pt
Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional